Qual o melhor momento para deixar de atender como pessoa física e passar a ter uma pessoa jurídica?

Em linhas gerais, o profissional médico deve contar com uma pessoa jurídica quando a carga tributária na pessoa física ultrapassar o que ele pagaria se abrir uma empresa. No entanto, para tomar esta decisão, a análise deve ser personalizada, levando em consideração outros aspectos da vida profissional do médico.